viernes, 3 de febrero de 2012

"¿cuánto silencio es preciso para hacer un poema?" de Cristiane Grando y obras de Felipe Esteban Ariza
































































































































































































































































6 comentarios:

  1. Este comentario ha sido eliminado por el autor.

    ResponderEliminar
  2. Cris,


    ficou lindo. Amei a escolha de cada quadro que você fez.
    Pude ouvi-los declamando seus versos,
    "o branco do silêncio", que na verdade nem chega ser um silêncio completo, é um silêncio poético, marcado pelas fissuras do quadro, os ruídos ilustrados por tantas cores em uma certa desamonia intencional,
    e o "y algunas palabras" pra mim foi uma síntese do branco do silêncio e de alguns ruídos que se sobrepõem pelos traços formando mesmo "algumas palavras"

    Também adorei a disposição das colunas de livros margeando o blog. Ficou elegante, forte em cores mas na medida certa para capturar a atenção do leitor sem "roubar a cena" do que é exposto no meio...

    Parabéns pelo trabalho. Pela harmonia entre as cores e as letras :)

    E muito obrigada por me enviar o seu trabalho e me cobrir de poesia embalando meu sono de hoje com seus versos!

    ResponderEliminar
  3. Gracias mujer de luz, te enviamos nuestro abrazo!

    ResponderEliminar